Como Não Parecer um Turista na Europa!
tuistas-na-europa.jpg

E porque não parecer um turista na Europa?

Tem alguma importância o que as outras pessoas pensam de você?

Não, nenhuma.

Mas também não espere que elas não te julguem… Infelizmente isso faz parte da natureza humana.

Sem entrar no clássico debate entre os rótulos VIAJANTE x TURISTA, saiba que se você está vestido como um turista típico, provavelmente você estará atraindo atenção indesejada:

1. Turistas são frequentes alvos de furtos

2. Você pode até ser barrado em alguns estabelecimentos

3. Em alguns casos, você poderá estar ofendendo costumes religiosos

4. Melhor vestido (a), você terá mais chances de ser tratado como local, e provavelmente terá uma experiência mais imersiva

Quem é que gosta daqueles chatos vendendo souvenir? E aqueles tipos babacas que colam na gente e começam a dizer “Hola, qué tal”?

O objetivo desse post é ajudar a você a sair de casa pronto para explorar qualquer cidade européia, e passar facilmente do museu à mesa daquele restaurante mais fino, sem precisar se preocupar.

Turista na Europa

…mas com classe

Antes que você se pergunte quem é essa fulana escrevendo, tenho a dizer que apesar de ter nascido com um passaporte europeu e de ter vivido muitos anos na Europa, eu sempre me identifiquei como brasileira e tenho muito orgulho disso.

Entretanto, o que estou escrevendo aqui NADA MAIS É do que alguém com um mínimo de capacidade de observação (e bom senso) já percebeu…

E o que NÃO fazer, então?

 ‘Cause this is thriller…. thriller night…

‘Cause this is thriller…. thriller night…

Usar roupas fitness

Esse é um erro comum de nós brasileiros (as), mas também um clássico norte-americano.

Não temos dúvidas que o conforto realmente DEVE predominar quando você está viajando (e andando à pé), mas sinceramente, a não ser que você esteja realmente indo para a academia, deveria evitar se vestir assim da cabeça aos pés.

turistar-na-europa.png

Uma boa alternativa são ballerinas, ou aqueles tênis mais magrinhos, tipo Keds, ou mesmo All Star.

Outra coisa: fazer supermercado vestindo pijama pode ser uma coisa cool nos EUA mas em alguns lugares da Europa pode ser interpretado como sinônimo de relaxo.

Isso inclui sair de casa com moletons, Uggs e Crocs.

Muito verdadeiro em países onde a alta costura internacional faz parte do patrimônio cultural, como França e na Itália, mas talvez um pouco menos importante no UK, onde a aceitação da cultura “anglo” e norte-americana é um pouco maior.

Usar boné ou camisa de time de futebol 

Sinto muito meninos, mas na maioria das vezes, roupas esportivas masculinas também NÃO são muito bem vistas.

Imagine se você decide parar naquele café (ou restaurante) um pouco mais hype que os locais lotam nos fins de semana. Para quem seria dada a melhor mesa?

Leia também: Restaurantes Gastronômicos (Michelin) BARATOS em Paris!

Futebol, principalmente na França, não é realmente sinônimo de elegância e bom gosto.

É um esporte popular, associado com classes trabalhadoras, talvez até com pessoas que vivem nas periferias, e tendo visto o imenso problema de imigração ilegal nesse país, eu diria para evitar.

Tenha em mente que eu só relato minha experiência nesse blog, infelizmente não participei na criação dessas regras não-ditas.

Please don’t shoot the messenger!

Não pareça um turista na Europa.png

Também evite o combo: bermudão + tênis de corrida (tipo Nike) + aquela meiona branca subindo pelas canelas.

A bermuda pode ficar, mas nesse caso, opte por uma camisa polo (ou mesmo social) e um mocassim.

Claro que tudo dependerá do teu programa para o dia, mas estou considerando aqui pessoas interessadas em frequentar (também) lugares mais finos.

Salto alto ou botas exageradas (mulheres)

Apesar desses sapatos funcionarem bem quando você pega um táxi e vai direito à uma boate, seria interessante evitar se você for usar transporte público.

Além de desconfortável, parisienses geralmente não vão ao Louvre de salto 15.

Sandálias do tipo plataforma também devem ser usadas com cuidado, porque todo mundo sabe que no velho continente, os paralelepípedos às vezes são bem irregulares…

Então, qual a vantagem de querer parecer uma piriguete (ou pior, acabar torcerndo o tornozelo)?

 Bem vindo aos paralelepípedos…! Estes até que estão decentes.

Bem vindo aos paralelepípedos…! Estes até que estão decentes.

Uma boa alternativa seriam as lindas ankle boots ou as botas de cano alto, sem salto, como essas que usamos no Brasil.

Sandálias mais finas (sem serem necessariamente altas) também quebram um galhão.

Mochila nas costas

Essa é bem cruel, pois como adepta do estilo mochileiro, eu bem que rodei a Europa várias vezes carregando orgulhosamente meu mochilão nas costas. Ah… meus 20 anos…

Mas a verdade é que você deveria evitar mochilas, a não ser que esteja à caminho da estação de trem ou do aeroporto.

A boa razão é que andando por aí com uma mochila nas costas, você correrá um maior risco de ser alvo de pickpockets (os famosos batedores de carteira que agem enquanto você está distraído).

 Mochila: use por sua conta e risco!

Mochila: use por sua conta e risco!

Ao invés, procure usar bolsas grandes (dessas femininas que podem ser cruzadas pelo corpo e mantidas à frente) ou aquelas do tipo postman (para os homens).

Capas de chuva, máquina fotográfica no pescoço

Qual o teu sentimento quando você vê um gringo vestido com todos esses itens em pleno calçadão de Copacabana?

Será que você pensa: nossa, que estilo, queria ser como ele?

Ou você pensa: coitado, vai acabar assaltado?

Pois é assim no mundo todo, em maior ou menor grau…

Coisas simples como ter um pequeno guarda-chuva na bolsa, ou um bom trench-coat podem evitar aquela capa de chuva comprada na frente do Coliseu.

Essas capas de plástico são horrorosas e se você não estiver em um autódromo de Fórmula 1, você não será perdoado.

Turistar na Europa.png

Se estiver frio, leve sempre uma écharpe para proteger o pescoço (sim HOMENS, vocês também)!

Obs. Não, você não precisa usar uma boina na França e nem carregar uma baguette embaixo do braço, basta um pouquinho de bom-senso...😏

Dá pra se vestir bem sem gastar fortunas, esse post não é sobre “como se parecer com o que você não é”, mas simplesmente evitar embaraços desnecessários.

Roupas muito curtas

Mulheres, saibam que no verão europeu, shorts curtos, tops com alças fininhas e havaianas tem hora e lugar.

Algumas locais usam, claro, mas certamente elas não estão à caminho de igrejas...

Se você pretende visitar catedrais (Itália, Portugal ou Espanha) provavelmente vai precisar se confrontar com o dress code local.

 Critérios de entrada no Vaticano. Crédito:  caderno de viagem

Critérios de entrada no Vaticano. Crédito: caderno de viagem

Se for andar assim, beleza, mas leve uma echarpe para cobrir os ombros ou uma canga para as pernas.

Enfim, são apenas idéias para facilitar sua estadia.

É evidente que todo mundo pode (e deve) se vestir como quiser… 😉

Leia também: Paris: 10 Cenários de Filme para Visitar!

Gostou do post?

Se achou útil, poderia compartilhar por favor?

Eu sei que a maioria das pessoas não compartilha porque acha que a sua "minúscula" participação, não vai fazer diferença.

O triste é que todo mundo pensa igual, e como resultado, boas informações acabam NÃO sendo distribuídas na net.

A verdade é que trabalhamos horas a fio, pesquisando, escrevendo, editando fotos, para dividir com vocês, gratuitamente, as nossas experiências mais preciosas.

Então muito obrigado pelo seu apoio, querido leitor 😎

Como parecer um turista na Europa!

ALGUMAS SUGESTÕES:

Pine!

Eu até fiz até esse lindo pin para você colocar no Pinterest!

Ou:

  • Compartilhe no Facebook

  • Compartilhe no Twitter

  • Mande por Email à seus melhores amigos!

Não vai te tomar mais de 10 segundos do seu tempo... 

Qualquer boa ação da tua parte, ajudaria muito com o crescimento do blog!

Os botões de compartilhamento estão bem aqui (abaixo) ⬇️